Tudo sobre a Livraria Lello no Porto

Atrações turísticas

Dezembro 16, 2015

Perguntado por Tassos, Grécia

Perguntado por Tassos, Grécia

Eu organizo tours privados no Porto

tours privados porto
Para mais informações veja essa página ou envie um email para sara@portoalities.com.

Há anos que não visitava a Livraria Lello. Tendo os livros por companheiros desde garota, estes exigem-me o silêncio e o tempo que a Livraria Lello não providencia.

Não deixa, contudo, de ser injusta a minha ausência; que se a Livraria Lello não me oferece uma leitura pausada, é contudo uma viagem ao passado livreiro do Porto e, por isso, merece toda a minha consideração, e é uma das melhores coisas para fazer no Porto.

Antes de ler este artigo: você já tem alojamento na cidade? Se não tiver, descubra onde ficar no Porto, quais os melhores bairros e dicas dos melhores hotéis e apartamentos.

Viajemos então na história da Livraria Lello!


A Livraria Lello em si, excluso o edifício que agora a alberga, teve origem na Livraria Internacional de Ernesto Chardron, fundada em 1869 na Rua dos Clérigos.

Em 1894, e após diversas vendas e aquisições, a livraria chega às mãos da família Lello. Os irmãos Lello não tardaram em arquitectar um novo espaço para a sua livraria e foi então que, a 13 de Janeiro de 1906, nasce a Livraria Lello, precisamente a que conhecemos, no início da Rua das Carmelitas.

A abertura da Livraria Lello foi um momento alto da vida cultural portuense do século XX. Para além de toda a cobertura jornalística, que se estendeu inclusivamente aos jornais brasileiros, estiveram presentes grandes vultos literários do Porto, como Guerra Junqueiro e Júlio Brandão. (Caso não os conheça, recomendo vivamente a leitura das suas obras).

Não me é difícil imaginar o impacto que a abertura da Livraria Lello causou na cidade do Porto. Recuemos cem anos, a uma época enferma de meios de comunicação imediata e em que, por isso, o Livro e a imprensa escrita assumiam o protagonismo na vida cultural da cidade, definidores de tendências e motores das grandes discussões do século XX.

Junte-se a isso o estilo absolutamente inovador do edifício, bem como o facto de ter sido o primeiro edifício em betão da cidade. Um verdadeiro luxo aos olhos novecentistas, um charme que perdura até aos dias de hoje.

Se estiver a gostar deste artigo, não se esqueça de o guardar para mais tarde:

Que história é essa de o Harry Potter ter sido escrito dentro da Livraria Lello?!

Tão famosa se tornou a Livraria Lello – foi considerada a 3ª livraria mais bonita do mundo pelo Lonely Planet – que há quem diga que J. K. Rowling, a autora dos livros do Harry Potter, escreveu lá o primeiro livro da saga.

Mas, se pararmos para pensar durante 30 segundos, percebemos que esse mito urbano não faz qualquer sentido.

Efectivamente J. K. Rowling viveu no Porto, durante um curto período de tempo. Foi, inclusivamente, casada com um português (que se deve arrepender até hoje de se ter divorciado dela!), com quem teve a sua única filha.

Ora o casamento não demorou muito tempo. Divorciada, mãe solo, com pouco dinheiro e nenhuma estrutura de apoio… vocês acham mesmo que J. K. Rowling iria para a Livraria Lello, que nem tem grandes sítios para uma pessoa se sentar, escrever um livro? Eu não!

© Vanity Fair

Agora, acredito facilmente que a autora se tenha inspirado na Livraria Lello para criar a livraria Flourish and Blotts, onde Harry compra os seus livros antes de ir estudar para Hogwarts. Ora, aqui que ninguém nos ouve, deixem que vos diga que a nossa pequena-grande Livraria Lello fica muito à frente da do imaginário de Harry Potter… mas fica só entre nós 😉

Como é que posso adquirir os bilhetes para a Livraria Lello?

Há duas formas de adquirir os bilhetes:

  • Comprando in loco na loja dos Armazéns do Castelo, que são no topo da Rua das Carmelitas, a um passo da livraria. Depois de os adquirir, deve dirigir-se à fila na entrada da Livraria Lello, que é usual e horrorosamente comprida. O valor do bilhete é dedutível caso adquira livros dentro da livraria.
  • Comprando o bilhete prioritário online. Este bilhete é mais caro, mas vale realmente a pena, porque lhe permite ignorar a fila na entrada da Livraria Lello e entrar directamente. Não precisa de imprimir o voucher, basta mostrá-lo à entrada no seu smartphone.

Dica importante:

Se estiver com um grupo de amigos e decidirem comprar os bilhetes online, comprem em separado! Isto porque se comprar vários bilhetes online ao mesmo tempo, apenas o valor de UM BILHETE é dedutível na aquisição de livros na Livraria Lello, ao passo que se os adquirir separadamente, cada pessoa terá direito a essa dedução de preço! 😉

Faça um tour privado no Porto comigo! 🙂

private tour porto

A melhor forma de ficar a conhecer bem o Porto é fazendo um tour privado comigo!

Para saber mais sobre os meus tours privados no Porto, visite esta página, ou envie um email para sara@portoalities.com.

Será um prazer recebê-lo no Porto! 🙂

2019-06-26T20:32:00+00:00Dezembro 16th, 2015|Atrações turísticas|1 Comment
Vê os meus tours privados